sexta-feira, 28 de novembro de 2014



Programa Mais+Educação e o projeto Educando com a horta apresentam resultados de 2014

Prefeita Lucimar da Conceição, Secretária de Educação Ana Cláudia e a vereadora Ângela Pessoa
    Programa Mais Educação e o projeto Educando com a horta apresentam resultados de 2014

No mês de novembro as crianças que fazem parte do programa Mais Educação apresentaram aos pais, amigos, familiares e a prefeita de Valparaíso de Goiás o grande aprendizado que tiveram em 2014.
Com uma manhã cheia de atividades na Praça Central de Valparaíso I, os jovens valparaisenses comprovaram que o investimento da Prefeitura no programa só tem garantindo uma infância melhor e mais digna para as crianças da cidade, além de uma educação de qualidade.
Hoje, Valparaíso tem um total de vinte e nove escolas, trabalhando, efetivamente, com o Programa Mais Educação e, quase, o mesmo número de escolas que aderiram ao Projeto da Horta Escolar com a Gastronomia. “A implantação de projetos de tão grande importância não é fácil, mas o evento mostrou que vale a pena o investimento e que o trabalho está sendo feito com alegria, entusiasmo, compromisso e muito amor pela educação”, disse a prefeita Lucimar.
O Programa Mais Educação é desenvolvido no município desde o ano de 2010 e a cada ano o número de escolas participantes vem aumentando, consideravelmente. Após a implantação do programa nas escolas, verificou-se uma acentuada melhoria no desenvolvimento dos alunos, elevando assim o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).
Com o programa, o ambiente escolar tornou-se mais prazeroso e mais atrativo, despertando, nos alunos, o prazer pelo conhecimento e o interesse em participar de eventos culturais, trazendo, com isso, a integração da comunidade escolar com a participação mais efetiva dos pais e demais pessoas da sociedade.

Muitos são os projetos realizados dentro do Programa Mais Educação. O Projeto “Educando com a Horta Escolar” é outro foco muito importante dentro do “Mais Educação” e de maior adesão. Esse projeto foi instalado no país em 2004 por meio da cooperação entre o FNDE e a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO), e aplicado em cerca de 70 municípios. Desde 2011, o FNDE, atuando com 179 localidades. Ele foi elaborado com a intenção de dinamizar o currículo escolar, tendo a horta e a gastronomia como eixos geradores da prática pedagógica. O projeto também promove a prática de hábitos alimentares saudáveis.
Nossa Horta



Confraternização do Programa Mais Educação
Coordenadora do Projeto Mais Educação Tânia Quevedo e a Secretária de Educação Ana Claudia
Mais+Educação, Encerramento do Ano Letivo Uma Grande Confraternização, Um Almoço Especial e Troca de Presentes.
O referido programa é uma política de educação nacional que prevê a oferta de atividades sócio-educativas no contraturno escolar, apostando que a ampliação do tempo e dos espaços educativos possam ser a solução para os problemas da qualidade de ensino, bem como se apresentam como estratégia de combate à pobreza, à exclusão social e à marginalização cultural. 























 Hora bendita
Bendita hora de oração
    • Que acalma o aflito coração,
    • O qual por meio de Jesus,
    • Ao Pai suplica auxílio e luz.
    • Em tempos de cuidado e dor,
    • Refúgio tenho em meu Senhor;
    • Vencendo o ardil da tentação,
    • Bendigo a hora de oração.
    • Vencendo o ardil da tentação,
    • Bendigo a hora de oração.


quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Programa Mais Educação




O que é
 o Programa Mais Educação?O Programa Mais Educação do MEC é uma importante parceria da SENARC por meio do Programa Bolsa Família e visa aumentar o acesso dos beneficiários do PBF às ações de Educação Integral.

O Programa tem como princípios: a articulação das disciplinas curriculares com diferentes campos de conhecimento e práticas socioculturais; a constituição de territórios educativos para o desenvolvimento de atividades de educação integral; a integração entre as políticas educacionais e sociais; e a valorização das experiências históricas das escolas de tempo integral.

As atividades a serem desenvolvidas são selecionadas pela escola a partir dos seguintes campos: acompanhamento pedagógico; educação ambiental; esporte e lazer; direitos humanos; cultura e artes; cultura digital; promoção da saúde; comunicação e uso de mídias; investigação no campo das ciências da natureza; educação econômica.

A contribuição dos atores responsáveis pelo Bolsa Família nos níveis federal, estadual e municipal, envolvendo os parceiros da educação da área de frequência escolar do PBF (Operadores Masters Municipais – OMMs e Coordenadores estaduais) é fundamental. A definição de estratégias conjuntas de mobilização é necessária para garantir que as escolas com maioria de alunos membros de famílias beneficiárias do PBF sejam contempladas na expansão.


Apresentação do Projeto Mais+Educação a Papulação de Valparaíso





























Ângela Aparecida  Coordenadora do projeto na Escola Monteiro Lobato

Programa Mais Educação  -  Escola Monteiro Lobato

O objetivo do Programa é atender as Escolas Estaduais com alunos matriculados no Ensino Fundamental e Médio, localizadas em regiões metropolitanas com alto índice de Vulnerabilidade social e selecionadas pela Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade – SECAD do MEC e, ratificadas pela Secretaria de Estado da Educação.
O Programa tem também como objetivo formular uma Política Nacional de Educação

Básica em tempo integral. As Escolas contempladas oferecerão carga horária de no mínimo 7 horas diárias durante o período letivo. Esta jornada diária terá como objetivo o acompanhamento pedagógico, a experimentação e investigação científica, cultura e artes, esporte e lazer, cultura digital, educação econômica, comunicação e uso de mídias, meio ambiente, direitos humanos, saúde, entre outras atividades.
Programa Mais Educação - Escola Monteiro Lobato